20 de julho de 2015

Caravana Mais Enem tem apoio da prefeitura de Ji-Paraná

Caravana Mais Enem - Ji-Paraná

Em Ji-Paraná, a Caravana realizará cursos com mini-módulos de Biologia, Química, Física, Português, Literatura e História no teatro da cidade. A ação será finalizada no dia 25 de julho com um simulado que garante ao aluno a oportunidade de testar seus conhecimentos. “É bem interessante porque o aluno pode testar o que ele aprendeu e analisar seu rendimento em relação ao vestibular”, destaca a professora de Química, Elis Ortiz.

A iniciativa é do Grupo Pellucio, que promove a Caravana Mais Enem percorrendo o interior do estado para levar a melhor equipe de professores aos vestibulandos de Rondônia. Os estudantes podem contar com o reforço nas disciplinas que encontram dificuldades e revisão de conteúdos essenciais para a aprovação no Enem e vestibulares.

E para promover os eventos, o Grupo Pellucio conta com o apoio da prefeitura de Ji-Paraná que cedeu o espaço do teatro Dominguinhos. “Além do teatro, a Fundação Cultural está dando suporte para que a Caravana se instale no município e ajude os jovens de Ji-Paraná a terem contato com os melhores professores do estado”, explica a presidente da Fundação Cultural de Ji-Paraná, Keylla Barbosa da Silva.

Keylla acredita que a iniciativa do Grupo Pellucio de levar a melhor equipe de professores para o interior do estado é uma experiência única. “Para a população jovem de nossa cidade, especificamente os vestibulandos que possuem carência na área de cursos preparatórios, a vinda da Caravana e sua didática dinâmica oportunizando a chance de ingressar em importantes faculdades”, ressaltou a presidente.

O Grupo Pellucio é uma instituição de ensino que há 35 anos vem inovando no cenário da educação de Rondônia. Keylla Barbosa fala da importância da presença da instituição em Ji-Paraná. “Esperamos que o Grupo Pellucio, que tem agregado ao seu nome qualidade e compromisso com a educação, se instale definitivamente em nossa cidade, oferecendo aos jovens do interior a oportunidade de ter uma formação pautada nesses critérios e possibilitando que os mesmos ingressem em ótimas faculdades públicas ou privadas, pois temos ciência do papel fundamental da formação no desenvolvimento da sociedade”, concluiu.

Assessoria de Comunicação

Compartilhe